Nova forma de detectar oceanos e vida em exoplanetas é descoberta

Nova forma de detectar oceanos e vida em exoplanetas é descoberta

Cientistas da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, descobriram uma nova maneira de detectar oceanos de água líquida em exoplanetas.

A descoberta pode também, por tabela, ajudar a detectar formas de vida nesses mundos fora do sistema solar.

E essa forma de identificação é baseada na análise das quantidades de CO2 na atmosfera dos exoplanetas.

Assim, segundo os estudiosos, a confirmação de poucas quantidades de CO2 na atmosfera de um exoplaneta, pode supor a existência de oceanos nele.

Isso porque os oceanos são os grandes responsáveis pela absorção do carbono presente na atmosfera.

Além disso, uma segunda possibilidade, mais impressionante, é a presença de organismos que captam carbono da atmosfera.

Dessa maneira, organismos fotossintetizantes como cianobactérias e plantas, são muito atuantes na captação de CO2 atmosférico para produção de energia química.

Além disso, alguns animais como os moluscos, também realizam a retirada de carbono atmosférico de maneira significativa.

Com isso, a detecção de um exoplaneta com poucas quantidades de CO2 atmosférico comparado aos planetas vizinhos, pode indicar a existência de oceanos e até de vida.

Pesquisadores descobrem nova técnica para encontrar oceanos e vida em exoplanetas

Veja Mais...