Missão Chang’e 6 vai retornar amostras da Lua

A Missão Chang’e 6, da China, foi lançada no último dia 3 de maio e vai trazer de volta à Terra amostras lunares do lado oculto.

Vale destacar, que esse tipo de missão vai ser a primeira da história a tentar trazer fragmentos da Lua.

Além disso, o que chama a atenção é que esses fragmentos serão retirados do lado oculto do nosso satélite.

Dessa forma, a missão conta com um orbitador, um módulo de aterrissagem e módulo de para reentrar na Terra.

Com isso, a missão chinesa deve explorar a cratera Apollo, que possui rochas vulcânicas que podem dar algumas pistas sobre a origem da Lua.

Em seguida, as amostras coletadas devem ser trazidas de volta a bordo do módulo de reentrada.

Desse jeito, a expectativa é que a missão Chang’e 6 dure cerca de 53 dias.

Cabe ressaltar, que a missão anterior, a Chang’e 5 coletou com sucesso fragmentos do lado próximo da Lua, o que fica sempre voltado para nós.

Porém, pela primeira vez na história, a China vai tentar trazer amostras do lado oculta da Lua com a missão Chang’e 6.