Maria-Sem-Vergonha: como cuidar desta planta ideal para decorar Jardins e ambientes internos

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

A “Beijinho” ou Maria-Sem-Vergonha (Impatiens walleriana) é uma planta ideal para decorar diversos tipos de ambientes, como o interior de casas ou apartamentos e até mesmo Jardins.

Além disso, suas flores são belíssimas e apresentam diversas tonalidades, que variam de:

  • Roxo;
  • Branco;
  • Vermelho;
  • Rosa.

Além disso, a Maria-Sem-Vergonha é de fácil desenvolvimento e apresenta um ciclo de vida longo ou seja é perene.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Neste artigo do Biologia Digital você vai aprender a cuidar da Maria-Sem-Vergonha de um jeito simples e prático.

Origem e características da Maria-Sem-Vergonha

A planta Maria-Sem-Vergonha, também conhecida cientificamente como Impatiens walleriana, é de origem africana e se adapta a qualquer tipo de ambiente ou solo.

Adaptação

Desse jeito, esta planta consegue ocupar os mais variados tipos de solos, sejam estes com muito ou pouco nutrientes.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Assim, a planta Maria-Sem-Vergonha consegue muitas vezes colonizar diferentes tipos de ambientes, sendo considerada muitas vezes como espécie invasora.

Inclusive, por ter essa capacidade de se adaptar a diferentes tipos de ambientes ela ganhou este nome popular, “Maria-Sem-Vergonha”.

Decoração e paisagismo

Então, além de poder ser usada para decorar os mais diversos tipos de ambientes internos como escritório ou salas, esta planta é ideal para compor o paisagismo de jardins.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Isso porque ela apresenta um tipo de crescimento conhecido como touceira, quando diversos indivíduos de uma mesma espécie de planta crescem de maneira unida.

Com isso, com suas flores belíssimas com tons variados de cores, a “beijinho” vai acrescentar beleza ao seu jardim ou quintal.

Folhas e flores

Como dito antes, suas flores podem ser de diferentes tipos de tonalidades, como: rosa, vermelho, roxo e branco.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Além disso, suas folhas são carnudas, possuindo capacidade de armazenar água.

Maria-Sem-Vergonha como cuidar

Veja agora dicas rápidas de como cuidar da planta Maria-Sem-Vergonha corretamente.

Maria-sem-vergonha gosta de sol ou sombra

Por ser capaz de se adaptar a qualquer tipo de ambiente, a planta Maria-Sem-Vergonha pode ser cultivada a pleno sol ou à meia-sombra.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Com isso, caso você more em uma região de clima quente, você deverá garantir uma condição de meia sombra para sua planta Maria Sem Vergonha.

No entanto, se você reside em um local que faz frio, você pode colocar sua planta “beijinho” em um local que receba iluminação direta.

De qualquer forma, é importante garantir cerca de 4 horas de iluminação em um local ventilado.

Substratos para Maria-Sem-Vergonha

Cultive a sua planta “beijinho” em um substrato composto por:

  • Terra;
  • Areia;
  • Húmus de minhoca;
  • Argila expandida.

Adubos

Você pode utilizar o adubo Bokashi ou fertilizante líquido com uma composição de NPK 10-10-10.

Vasos ideais para Maria-Sem-Vergonha

Caso você prefira cultivar a sua planta Maria-sem-vergonha em vaso, lembre-se de fazer furos no fundo para facilitar a drenagem e evitar que o substrato fique encharcado. 

Além do mais, você pode montar uma camada no fundo do vaso com algum elemento drenante, como argila expandida ou fragmentos de vaso de barro, para facilitar o escoamento da água.

Leia Também:

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Leandro Sinis, além de ser o CEO do Biologia Digital, traz consigo uma bagagem valiosa como biólogo e divulgador científico, graduado pela renomada Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Sua paixão pela ciência e pelo compartilhamento do conhecimento o impulsiona a liderar esta plataforma com dedicação e expertise. Para entrar em contato com Leandro, envie um e-mail para: leandrocarsi89@gmail.com