Magnetar extremamente potente está enviando sinais de rádio instáveis na nossa galáxia

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

No final de 2018, o XTE J1810-197, um magnetar de proporções imensas, voltou a emitir sinais de rádio, após mais de uma década de silêncio, intrigando os cientistas com sua atividade instável. 

Vale destacar, que os magnetares são estrelas de nêutrons superdensas com campos magnéticos extremamente poderosos.

Além disso, eles são conhecidos por sua raridade e comportamento altamente dinâmico. 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Dessa forma, o retorno do XTE J1810-197 à atividade radiofônica ofereceu uma oportunidade única para os astrônomos estudarem de perto esse fenômeno extraordinário.

Foto: Reprodução/ Canva Pro

Estudos Reveladores sobre os magnetares

Em dois estudos publicados na Nature Astronomy, os pesquisadores examinaram os pulsos de rádio do XTE J1810-197.

Inclusive, os cientistas identificaram oscilações peculiares que desafiam as explicações convencionais sobre o comportamento dos magnetares. 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Com isso, essas descobertas surpreendentes lançaram luz sobre a complexidade dos processos físicos envolvidos na emissão de sinais de rádio por essas estrelas superdensas.

Fenômenos Exóticos

Além disso, análises detalhadas sugerem a presença de processos físicos exóticos por trás das flutuações nos sinais de rádio, deixando os cientistas perplexos quanto à natureza desses fenômenos recém-descobertos. 

A oscilação dos sinais de rádio inicialmente levou os pesquisadores a considerar a precessão livre como uma explicação.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

No entanto, descobertas posteriores questionaram essa hipótese, apontando para um possível papel do plasma próximo aos polos magnéticos do magnetar.

Magnetar: Desvendando o mistério das oscilações

Os cientistas agora se dedicam a investigar outros magnetares emissores de rádio, na esperança de decifrar o mistério por trás dessas oscilações.

Com isso, os estudiosos querem ter uma compreensão mais profunda da formação das estrelas de nêutrons e do comportamento da matéria em condições extremas. 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Dessa forma, essa busca pelo conhecimento promete lançar luz sobre os processos físicos fundamentais que regem o universo, oferecendo insights valiosos sobre a evolução estelar e o funcionamento interno das estrelas de nêutrons.

Leia mais: Estrelas Infectadas por Buracos Negros estão sendo Devoradas por Dentro

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------
------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Leandro Sinis, além de ser o CEO do Biologia Digital, traz consigo uma bagagem valiosa como biólogo e divulgador científico, graduado pela renomada Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Sua paixão pela ciência e pelo compartilhamento do conhecimento o impulsiona a liderar esta plataforma com dedicação e expertise. Para entrar em contato com Leandro, envie um e-mail para: leandrocarsi89@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *