James Webb: Como funciona e objetivo da missão

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Você já deve estar sabendo que “um tal” de Telescópio James Webb anda tirando fotos incríveis do espaço.

Pois bem! É sobre isso que eu quero falar com você nesse post!

O Telescópio Espacial James Webb ou JWST (suas iniciais em inglês) ou simplesmente James Webb é o maior telescópio já construído.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Ele tem o objetivo de capturar imagens de objetos espaciais distantes, como:

  • Estrelas;
  • Nebulosas;
  • Galáxias;
  • Exoplanetas.

Dessa forma, a missão dele é obter dados do espaço profundo para que os cientistas possam entender melhor sobre a origem desses objetos e do próprio universo.

Telescópio Espacial James Webb Onde Está?

Foto / NASA

O Telescópio James Webb se encontra num local do espaço conhecido como ponto Sol-Terra L2 Lagrange, ou ponto l2 lagrange.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

O JWST está localizado à uma distância 1,5 milhão de km.

Um local ideal para ele trabalhar, já que nesse ponto, o telescópio está sempre resfriado, ou seja:

  • Não recebendo luz solar;
  • E nem emissão térmica da terra.

Isso é fundamental para que os detectores de radiação infravermelha funcionem.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Telescópio Espacial James Webb como funciona?

James webb

Como funciona o James Webb? O que chama a atenção nesse telescópio são duas coisas:

  • Nos espelhos, os cientistas adicionaram um pó especial de ouro nos elementos para aumentar a refletividade;
  • Além disso, o JWST possui poderosos detectores que captam luz infravermelha.

Desse jeito, o James Webb é capaz de observar objetos distantes, como galáxias, que por estarem muito longe, emitem radiação infravermelha.

Assim, será possível estudar a origem das estrelas, das próprias galáxias, de exoplanetas e do universo.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Dessa forma, o JWST pretende inaugurar uma nova era para cientistas e astrônomos.

Telescópio Espacial James Webb quando foi lançado?

A data de lançamento do James Webb foi em 25 de dezembro de 2021.

Ele é o maior telescópio já construído e registrou imagens inéditas do universo.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Durante quase um mês após seu lançamento, o telescópio foi sendo montado no espaço como um origami.

Logo depois, passou por mais alguns meses de testes e calibração de seus instrumentos.

A missão tem previsão de duração de cerca de cinco anos, com possibilidade de ser prorrogada por mais cinco, chegando no máximo a 10 anos.

Telescópio James Webb vs Hubble

Muitos se perguntam sobre quais seriam as diferenças entre o Telescópio James Webb e Telescópio Hubble.

Pois bem, o Telescópio Hubble que foi lançado em 1990, é capaz de observar o espaço em radiação ultravioleta, luz visível e um pouco no infravermelho.

Além disso, vale destacar que o Telescópio Hubble se encontra a 600 km de distância de nós.

Já o James Webb é totalmente focado em registrar o espaço através de luz infravermelha.

Veja as características principais de cada telescópio, ao compará-los teremos uma noção das principais diferenças entre eles.

Vamos começar pelo o JWST:

  • Lançamento – 2021;
  • Duração da missão – previsão de até 10 anos;
  • Tamanho do espelho – 6,5 metros;
  • Massa – 6.2 kg;
  • Temperatura para operar é de – 230ºC.

Agora vamos ao Telescópio Hubble:

  • Lançamento – 1990;
  • Duração – já são 32 anos;
  • Tamanho do espelho – 2,4 metros;
  • Massa – 12.2 kg;
  • Temperatura de operação é de 20ºC.

Portanto, o JWST foi construído para observar objetos muito distantes graças à presença de poderosos detectores de luz infravermelho.

Foto / NASA

Por exemplo, aqui nessa imagem acima é possível ver a diferença de nitidez e profundidade de uma foto registrada pelos dois telescópios do mesmo lugar do espaço…

A foto é do aglomerado de galáxias, conhecida pelo nome SMACS 0723.

Qual o custo do James Webb?

O James Webb custou cerca de dez bilhões de dólares e foi um projeto que levou anos de estudo.

Agora temos a presença desse super telescópio a 1,5 milhão de km de nós, registrando o espaço profundo pra gente.

Dessa forma, esse super telescópio vai ser muito importante para fornecer dados muito interessantes para os cientistas…

Assim, poderemos avançar na compreensão de como se deu o processo de formação de estrelas, galáxias e do universo.

https://youtu.be/Ohzt56BJ5zw

Conclusão

Espero que você tenha aprendido um pouco sobre o já famoso Telescópio Espacial James Webb.

Certamente, os próximos anos reservam grandes descobertas no campo da pesquisa espacial.

Aproveito para te lembrar que aqui no Biologia Digital, produzimos conteúdos sobre o Enem e outros assuntos de divulgação científica.

Então, fique à vontade para explorar o nosso site.

Receba os novos conteúdos do blog no seu telegram, para isso acesse o nosso canal: https://t.me/professorleandrosinis

Para mais conteúdos sobre ciência, você pode também me seguir lá no Instagram.

Compartilhe o artigo nas redes sociais.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Leandro Sinis, além de ser o CEO do Biologia Digital, traz consigo uma bagagem valiosa como biólogo e divulgador científico, graduado pela renomada Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Sua paixão pela ciência e pelo compartilhamento do conhecimento o impulsiona a liderar esta plataforma com dedicação e expertise. Para entrar em contato com Leandro, envie um e-mail para: leandrocarsi89@gmail.com