James Webb produz imagem de Planeta Saturno e seus anéis

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------
Foto: NASA, ESA, CSA, STScI, M. Tiscareno (SETI Institute)

James Webb produz imagem impressionante de Planeta Saturno e seus anéis. As imagens fazem parte de um projeto de observação do instituto SETI para a descoberta de luas fracas.

Assim, os pesquisadores liderados pelo cientista sênior, Matthew Tiscareno, utilizaram o telescópio James Webb para realizar as visualizações.

Com isso, o registro foi feito usando a Câmera de infravermelho próximo (NIRCam), que captou as ondas infravermelhas do gigante gasoso, de seus anéis e luas.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Na foto, o planeta aparece mais escuro do que o normal, por causa do gás metano que recobre a camada mais alta da atmosfera deste mundo gasoso.

Deste jeito, este gás absorve praticamente toda luz do sol que chega até a atmosfera de Saturno, no comprimento infravermelho de cerca de 3,23 microns.

Leia também: Telescópio Euclides: instrumento que vai investigar matéria escura do cosmos foi lançado com sucesso

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

James Webb produz imagem impressionante de Planeta Saturno e seus anéis

Como disse antes, devido a presença do gás metano na atmosfera superior de Saturno, este mundo aparece mais escuro, principalmente nos polos norte e sul.

No entanto, o mesmo não se aplica aos anéis e luas, que aparecem bem visíveis.

No caso, dos anéis, como não apresentam gás metano, estes ficam bem visíveis no infravermelho.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Dessa maneira, conseguimos observar claramente:

  • Anel A;
  • Anel B;
  • Anel C;
  • Falha de Encke;
  • Divisão de Cassini.

Além dos anéis de Saturno, 3 luas do planeta foram claramente visualizadas, são elas:

  • Dione;
  • Enceladus;
  • Tethys.

Além disso, um detalhe nas observações que deixou os cientistas intrigados é que mesmo sendo verão no hemisfério norte e inverno no hemisfério sul, ambos aparecem mais escurecidos, como se os dois estivessem no inverno.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Isto provavelmente ocorre devido a algum fenômeno sazonal que os cientistas desconhecem.

Porém, esse mistério deve ser solucionado em breve, quando novas observações do James Webb com exposições profundas acontecerem.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------
------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Leandro Sinis, além de ser o CEO do Biologia Digital, traz consigo uma bagagem valiosa como biólogo e divulgador científico, graduado pela renomada Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Sua paixão pela ciência e pelo compartilhamento do conhecimento o impulsiona a liderar esta plataforma com dedicação e expertise. Para entrar em contato com Leandro, envie um e-mail para: leandrocarsi89@gmail.com