Como as atividades humanas podem afetar o meio ambiente? Veja 3 hábitos que prejudicam o planeta

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

O nosso planeta tem sofrido com a ação humana ao longo de muitos anos, principalmente nos últimos 200 anos, a partir da Revolução Industrial.

Ao longo desse período, aconteceram importantes avanços tecnológicos que melhoraram a qualidade de vida humana.

Porém, começamos a adotar certos hábitos e práticas prejudiciais ao meio ambiente.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Por exemplo, aumentou significativamente a produção de certos gases que aumentam o efeito estufa na terra, como:

  • Dióxido de Carbono (CO2) – Produzido por fábricas e automóveis através do uso de combustíveis fósseis;
  • Metano (CH4) – Produzidos por bovinos;
  • Óxido Nitroso (N2O) – Liberado pelo uso de fertilizantes na agricultura.

Assim, os setores da indústria e da agricultura são os principais responsáveis pela emissão de gases do efeito estufa, substâncias que provocam mudanças climáticas e que prejudicam o equilíbrio do meio ambiente.

No entanto, ações ou hábitos individuais no dia a dia também causam grandes problemas à natureza.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Por isso, nós aqui do Biologia Digital resolvemos separar 3 exemplos de hábitos que prejudicam o planeta. Veja agora!

Como as atividades humanas podem afetar o meio ambiente? Listamos 3 hábitos prejudiciais ao planeta

Veja agora atividades ou hábitos negativos que realizamos no dia a dia e que nem fazemos ideia do quanto são prejudiciais ao nosso planeta.

Uso de materiais descartáveis de plástico 

O plástico é bastante prejudicial ao meio ambiente porque pode levar cerca de 400 anos para se decompor.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Antes de se decompor, o plástico é depositado nos rios e mares, onde provoca prejuízos a diversos animais que vivem nesses ambientes.

Além disso, ao ser degradado, o plástico se transforma em microplásticos, que são detritos de plásticos que medem cerca de 5 mm. 

Vale destacar, que esses resíduos já foram encontrados no sangue e no estômago de seres humanos e outros animais. 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Dessa forma, é importante evitar o uso de plásticos, principalmente aqueles descartáveis, como garrafas e copos.

Assim, se você estiver no trabalho ou na faculdade e quiser tomar um cafezinho, esteja sempre com uma caneca de uso próprio para não precisar usar copos descartáveis.

E caso você esteja tomando alguma bebida através de um canudo de plástico, prefira utilizar um canudo de papel.

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Descarte de óleo de cozinha na pia ou no lixo

Ao descartar o óleo de cozinha no seu lixo considerado comum, ele pode causar prejuízo aos lençóis subterrâneos quando chegar a uma central de tratamento de lixo (lixão).

E caso você tenha o péssimo hábito de descartar o seu óleo no ralo da pia, saiba que com essa prática você pode acabar entupindo as tubulações da sua casa.

Descarte de pilhas, baterias ou eletrônicos

Pilhas, baterias ou qualquer aparelho eletrônico (notebooks, celulares, televisores…) são constituídos por metais pesados, como mercúrio e chumbo, por exemplo.

Assim não é preciso dizer que ao descartar esses tipos de materiais no lixo comum, isso pode contaminar o solo e os lençóis subterrâneos.

Dessa maneira, esse hábito pode prejudicar diversos ecossistemas e, inclusive, pode provocar danos à saúde humana.

Com isso, lembre-se de descartar esses materiais em postos de coleta específicos para esse tipo de lixo.

Veja abaixo outros artigos do nosso blog que podem te interessar: 

------CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE------

Leandro Sinis, além de ser o CEO do Biologia Digital, traz consigo uma bagagem valiosa como biólogo e divulgador científico, graduado pela renomada Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Sua paixão pela ciência e pelo compartilhamento do conhecimento o impulsiona a liderar esta plataforma com dedicação e expertise. Para entrar em contato com Leandro, envie um e-mail para: leandrocarsi89@gmail.com